Quem nunca tweetou um gol ou compartilhou alguma informação sobre esporte no Facebook? Assistir futebol com os amigos na roda de um bar é algo muito comum, porém, hoje, as tecnologias móveis permitem a troca de informações entre pessoas que nem sempre podem se reunir para ver um jogo.

As redes sociais e a rapidez nas informações vêm chamando a atenção em um dos eventos esportivos mundiais mais importantes: os Jogos Olímpicos 2012. Pensando na conexão entre atletas e torcedores, o Comitê Olímpico Internacional inaugurou o “Olympic Athletes' Hub”, um site que permite a aproximação dos fãs com os atletas por meio das redes sociais.

Desse modo, os Jogos mundiais 2012 serão marcados como a “Primeira Olimpíada Social”, mostrando a força das redes sociais, responsáveis por conectar os fanáticos e apaixonados pelo esporte em diferentes países.

Essa forma de veiculação é o oposto da cobertura dos Jogos que víamos antigamente, onde os recursos tecnológicos não conseguiam atingir um número significativo de pessoas. Podemos perceber isso, por exemplo, com a televisão, que disponibilizou as Olimpíadas de Tóquio somente para 40 países, em 1964. Por outro lado, pode-se dizer também que o caminho para a internet não foi tão rápido. Ela aparece para os usuários apenas em 1996, mas com funções básicas, como compra de ingressos e resultados dos Jogos, e agora a abrangência é muito mais ampla, visto que as redes sociais quebram barreiras, estreitam relacionamentos e unem os amantes do esporte.

Jogos Olímpicos 2012

E você já está preparado para interagir com o seu atleta preferido?

Alguns atletas já estão bem preparados para a interação com os seus fãs, pois utilizam as redes sociais para a construção de sua marca, popularidade e reputação, tornando o compartilhamento de fotos, vídeos e arquivos pessoais, uma importante ferramenta para a interação, aproximação e relacionamento com seus torcedores.

Um exemplo dessa relação entre atleta e torcedor é o Kaká, jogador brasileiro que atualmente está como meio-campo do Real Madrid. O seu perfil cativante no Twitter foi o primeiro no mundo a conseguir ultrapassar 10 milhões de seguidores, perdendo apenas no quesito popularidade para as celebridades da música. Porém, Kaká traz situações do seu dia-a-dia nas redes sociais, aproximando seus fãs e construindo uma imagem de pai de família, jovem, religioso, ao contrário do padrão dos demais jogadores.

Jogos Olímpicos 2012
                                                              Kaká, possível astro dos Jogos Olímpicos 2012, com sua família

Então, seja torcedor ou atleta, a maneira de interagir com o público nas redes sociais realmente faz a diferença. E isso também vale para os Jogos Olímpicos 2012.

Inspire-se você também nas redes sociais, compartilhe sua ideia e faça parte dessa torcida nos Jogos de Londres este ano.