+55 19 3325-2430 [email protected]

O mundo digital vem conquistando seu espaço em nossas vidas a cada dia, um exemplo disto, é a internet que está presente, direta ou indiretamente, na maioria dos nossos hábitos do cotidiano.

Hoje, grande parte das pessoas que possuem acesso à internet a utilizam como fonte principal de informação e conteúdo, por isso, as marcas precisam se adaptar a esse meio e desenvolver estratégias de venda nesse ambiente.

Entretanto, existem muitos termos e conceitos que precisam ser estudados para que essas técnicas sejam aplicadas de maneira correta e eficiente como, por exemplo, entender o que é o marketing digital de fato, compreender como ele deve ser utilizado e conhecer as vantagens que ele dá para o seu negócio.

Baseados nisso, preparamos um artigo completo que te guiará nos primeiros passos do marketing online. Leia e conheça mais sobre o assunto.

1. O que é marketing digital?

O termo “marketing digital” passou a ser utilizado entre o final da década de 90 e o início da década de 2000. Isso porque foi nesse momento que a quantidade de usuários da internet passou a aumentar exponencialmente. Esse cenário foi visto como uma grande oportunidade para empresas aprimorem suas estratégias de alcance e vendas de produtos, e, atualmente, o marketing digital tornou-se a principal forma de fazer propaganda.

Hoje, a internet serve de canal para a comunicação com o público-alvo das empresas e, independente do segmento em que está, qualquer marca pode encontrar um espaço para se aproximar dos seus clientes e aumentar suas vendas na web através dos mais diversos canais – sites, blogs, redes sociais, email, etc.

Todas as estratégias e técnicas utilizadas para que isso aconteça são resumidas no que chamamos de marketing digital: um conjunto de atividades que uma empresa (ou pessoa) executa online com o objetivo de atrair novos negócios, criar relacionamentos e desenvolver uma identidade de marca.

Mas, antes de conhecer as aplicações e os métodos que são utilizados no marketing online, é necessário entender alguns conceitos fundamentais que fazem parte desse assunto.

2. Conceitos do marketing digital

Alguns termos específicos desse tema são constantemente utilizados na hora de desenvolver os planos de ação, por isso, é importante conhecer seus significados para que as estratégias de marketing digital da sua empresa sejam ainda mais assertivas.

  • Persona

Persona é um perfil semifictício criado, na maioria das vezes, a partir da carteira de clientes de uma empresa ou por meio de pesquisas de mercado, para representar o seu consumidor ideal.

Ela possui características particulares, como nome, idade, renda, cargo, entre outras informações relevantes, que servem para direcionar a criação das suas ações e te ajudar a entender melhor o seu público.

Uma persona construída a partir de dados reais e confiáveis, te ajuda a identificar as necessidades dos seus clientes, entender o que eles buscam no mercado e saber seus interesses nas mais diversas áreas, por isso, ela é importantíssima no planejamento de uma campanha de marketing.

  • Lead

Esse termo define um consumidor em potencial ou as oportunidades que o seu negócio recebe para realizar uma nova venda. Em outras palavras, os leads são pessoas que já demonstraram interesse em seu produto ou serviço, mas que não tomaram nenhuma decisão definitiva ainda.

Para o marketing digital, um lead pode ser uma pessoa que visitou a página da sua empresa, alguém que preencheu um formulário de desconto em uma landing page ou que, através de ações de Inbound Marketing, deixou informações pessoais (email, telefone) para você enviar conteúdos ricos a ela sempre que forem produzidos.

  • Landing Page

As landing pages são páginas destinadas para gerar leads, ou seja, são inteiramente focadas em conversão. O objetivo desse tipo de página é fazer com que os visitantes tenham mais informações sobre o seu produto ou serviço, reconheçam valor no que está sendo ofertado e na sua marca, e tornem-se clientes em um futuro próximo.

Nela, geralmente, são oferecidos materiais como e-books gratuitos, assinatura de newsletters, promoções ou até mesmo produtos, e em troca o interessado deve deixar algumas informações para contato.

  • SEO

Search Engine Optimization ou SEO, nada mais é do que uma técnica para otimização de mecanismos de busca. Ou seja, são estratégias que você pode adotar para melhorar o ranqueamento das suas páginas e dos seus contéudos nas plataformas de pesquisas online.

O SEO contribui para expandir o tráfego orgânico do site da sua empresa, colocando suas páginas no topo dos resultados de busca. Isso atrai cada vez mais visitantes e possibilita um aumento nas taxas de conversão, capturas de leads e vendas realizadas.

  • Funil de vendas

Também chamado de jornada do consumidor, o funil de vendas indica quais são as etapas pelas quais seu cliente passa até contratar o serviço oferecido por sua empresa. Essas etapas incluem desde a maneira como o consumidor conheceu sua marca até a compra do produto.

Compreendendo esse caminho e o que ocorre em cada nível dessa jornada, você consegue desenvolver estratégias mais assertivas para garantir que o seu cliente percorra todos os passos e chegue até a etapa de compra.

  • CRM

CRM é a sigla para Customer Relationship Management e o termo consiste em um software que gerencia a relação entre a empresa e seus clientes, sejam eles atuais ou consumidores potenciais.

Esse sistema organiza e metrifica o histórico de todo contato feito entre a empresa e o cliente, seja por meio dos vendedores ou da equipe de atendimento, além disso, a ferramenta registra as informações e preferências dos usuários, e faz todo o controle de follow-ups.

  • Fluxo de nutrição

Os fluxos de nutrição são automações programadas que enviam determinados conteúdos para um usuário assim que ele realiza alguma ação em um dos canais da sua empresa.

Esses fluxos funcionam como um gatilho, ou seja, assim que o lead lê determinado conteúdo, se cadastra em um formulário ou clica no botão de um email, uma série de outros links são enviados para ele por meio de e-mails, campanhas de remarketing e outras diversas estratégias.

Essa ferramenta tem como objetivo despertar ainda mais o interesse do lead pelo seu produto e fazer com que ele avance para as outras etapas do funil de vendas.

3. Aplicações do marketing digital

Após a criação da internet, o surgimento de novas redes e plataformas online tornou-se comum. Diferentes tecnologias apareceram no nosso dia a dia e diversas tendências foram substituídas por outras ferramentas, ao longo dos anos.

Essas condições interferiram na maneira de cada pessoa consumir conteúdo e as mudanças fizeram com que as empresas tivessem que repensar suas estratégias e adotar serviços que realmente fizessem a diferença no meio online.

Sobre isso, tendo como base que o mundo digital dá acesso a milhares de possibilidades e caminhos, e que é grande a variedade de técnicas que podem ser utilizadas para construir um bom marketing, reunimos abaixo as principais formas de aplicar as estratégias e te ajudar a não cometer erros em seu planejamento.

  • Inbound Marketing e marketing de conteúdo

O termo inbound marketing define o que chamamos de marketing de atração. Como é indicado no nome, o objetivo dessa técnica é justamente atrair pessoas para a sua marca e para os seus produtos.

Um dos principais meios para atrair a atenção de um visitante é criar conteúdos interessantes que solucionam dúvidas, atendem necessidades e mostram uma ou mais maneiras de resolver um problema, e é nesse momento que o marketing de conteúdo entra em ação.

Essa abordagem tem como principal objetivo produzir materiais relevantes e de valor para o seu público-alvo, a fim de melhorar o relacionamento da empresa com o cliente e aumentar a credibilidade da marca no mercado.

Através de um conteúdo preparado e pensado em particular para o seu possível cliente, você pode atrair visitantes para os canais de comunicação da sua empresa, fazer com que eles se tornem leads e, com a ajuda de materiais ricos, qualificá-los para a efetivação de uma compra ou contratação de um serviço.

  • Blog

Ainda falando sobre marketing de conteúdo, o blog é um dos principais canais para colocá-lo em prática. Por sua facilidade de edição e versatilidade, a ferramenta é uma opção indispensável para as empresas que querem começar a desenvolver a produção de textos, vídeos, e-books, entre outros.

Além disso, produzir conteúdo para um blog auxilia no crescimento e melhora da posição de um site nas ferramentas de buscas. A otimização eficiente desses materiais permite que a sua página seja uma das primeiras nos resultados de pesquisa, atraindo mais visitantes e possíveis clientes.

Uma das maiores vantagens de ter artigos bem produzidos, por exemplo, é que, dessa maneira, você consegue agregar ainda mais valor ao seu produto, fazer com que seus leitores vejam a sua empresa como uma especialista no assunto abordado, além de desenvolver ainda mais a comunicação da sua marca com o mercado.

  • E-mail marketing

O termo consiste no envio de e-mails para uma lista de contatos, e tem como objetivo fortalecer e manter o relacionamento de uma empresa com seus clientes, sejam eles antigos, atuais ou potenciais.

Nesses e-mails podem ser abordados diversos conteúdos como, por exemplo, a venda de um produto, a divulgação de uma promoção, o lançamento de um serviço ou um evento promovido pela sua empresa.

Esse tipo de estratégia não serve apenas para promover produtos e gerar vendas, mas também para manter o consumidor atualizado sobre as novidades do mercado e da sua empresa, e despertar o interesse dele em realizar novos negócios.

  • Redes sociais

Hoje em dia, a maioria das pessoas que têm acesso à internet possuem perfil em pelo menos uma rede social. Esse tipo de recurso está presente na vida dos internautas de maneira crescente e, muitas vezes, é a principal fonte de conteúdo e informação dos seus usuários.

Sendo assim, fica clara a importância de aprimorar a presença da sua empresa nesses canais, uma vez que, por meio deles, seus clientes podem interagir com a sua marca, levantar dúvidas, fornecer feedbacks e ser atraídos pelo conteúdo produzido.

Levando isso em consideração, é importante entender qual rede tem a maior concentração de perfis alinhados ao seu público de interesse e, após isso, desenvolver ações efetivas para usar a mídia como uma ferramenta estratégica e vantajosa.

  • Site institucional

Ainda que possuir um blog e manter as redes sociais ativas seja um grande passo para o desenvolvimento do marketing online da sua empresa, contar com um site institucional bem elaborado, didático e atrativo é crucial.

Além de ser mais uma maneira para visitantes encontrarem a sua marca através das pesquisas online, o site institucional traz credibilidade e confiança ao seu negócio, promove os seus produtos e serviços, valoriza seus diferenciais em relação à concorrência e aumenta suas chances de capturar leads qualificados.

  • SEM – Marketing de busca

Ser um dos primeiros sites a aparecer na lista de resultados nas pesquisas do Google, por exemplo, não só gera credibilidade a uma empresa, mas também contribui para um aumento na quantidade de visitas e vendas.

Search Engine Marketing ou SEM significa marketing de busca, ou seja, um conjunto de técnicas específicas que têm como objetivo favorecer a posição de uma empresa no ranqueamento dos resultados nos mecanismos de busca.

Uma dos conceitos mais conhecidos do SEM é o SEO ou Search Engine Optimization, citado anteriormente no texto.

  • CRO – Conversion Rate Optimization

O processo de conversão de clientes para a sua empresa deve ser muito bem estudado, para entender cada etapa e compreender quais são os caminhos seguidos por aqueles que chegam até o final do funil de vendas.

Nesse sentido, o Conversion Rate Optimization é um procedimento que garante a otimização desse processo. O profissional de CRO constrói um diagnóstico da jornada do consumidor da sua empresa e, a partir disso, maximiza as taxas de conversão, para que um número maior de visitantes da sua página chegue e finalize a etapa de compra.

4. Vantagens e benefícios do marketing digital

Depois de compreender todas as suas aplicações, podemos traçar alguns dos diversos benefícios que essas práticas podem trazer para o seu negócio.

  • Controle e mensuração de resultados

Quando falamos sobre ações na internet, controlar seus resultados e suas consequências é um passo fundamental para entender o perfil do público e desenvolver o plano de ações futuras.

O marketing digital permite que esse controle seja feito através de ferramentas automatizadas, que utilizam as métricas ideais para obter dados sobre as campanhas da sua empresa.

  • Precisão na segmentação

Segmentar seu público-alvo é crucial para estabelecer estratégias, promover seu conteúdo para as pessoas corretas e direcionar seus investimentos de forma mais proveitosa.

Sobre isso, o marketing online possibilita uma segmentação precisa, o que facilita o processo de divulgação e faz com que a sua empresa chegue aos olhos daqueles que, realmente, possuem o perfil alinhado ao seu público de interesse.

  • Interatividade com consumidor

O marketing digital proporciona um contato direto com o público que nenhum outro canal consegue proporcionar. Por exemplo, nas propagandas de televisão, nos anúncios dos outdoors ou nos programas de rádio, o público apenas recebe a informação que a empresa promove, mas não consegue demonstrar suas impressões sobre aquela ação.

Já na internet, o consumidor pode interagir diretamente com o discurso da marca, expor opiniões, questionamentos e até realizar uma compra. Isso traz ao cliente o conforto de poder estar próximo do produto que ele consome e da empresa que o fornece.

Depois de entender o que é marketing digital, estudar sobre os diversos canais e conceitos desse segmento, e conhecer todos os benefícios que ele pode trazer para a sua empresa, uma boa ideia é conversar com uma equipe de profissionais para começar a desenvolver o seu plano de ação.

Então, o que acha de marcar uma reunião com o time da Sawi? Para saber mais sobre os nossos serviços, acesse nosso site!

Além disso, se você gostou desse conteúdo, compartilhe o artigo nas suas redes sociais e deixe o seu comentário em nossa página.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *